Cabine Histórica: Viagem ao passado do dia 30 de Maio – Joana D´Arc!

Cabine Histórica: Viagem ao passado do dia 30 de Maio – Joana D´Arc!

Cabine histórica é a nossa viagem com a C.A.T.I.A aos fatos históricos da humanidade e por toda a linha temporal,hoje viajamos para:

O dia 30 de maio de 1431 quando morria na cidade de Ruão, na França, a heroína Joana d’Arc. Ela morreu queimada na fogueira, acusada de bruxaria. Nascida no dia 7 de janeiro de 1412, na cidade de Domrémy-la-Pucelle, ela passou de bruxa à santa padroeira da França e também é considerada heroína da Guerra dos Cem Anos.

Joana D’arc nasceu na França no ano de 1412 e morreu em 1431 (época medieval). Foi uma importante personagem da história francesa, durante a Guerra dos Cem Anos (1337-1453), quando seu país enfrentou a rival Inglaterra. Joana D’arc foi canonizada (transformada em santa) no ano de 1920.

A história da vida desta heroína francesa é marcada por fatos trágicos. Quando era criança, presenciou o assassinato de membros de sua família por soldados ingleses que invadiram a vila em que morava. Com 13 anos de idade, começou a ter visões e receber mensagens, que ela dizia ser dos santos Miguel, Catarina e Margarida. Nestas mensagens, ela era orientada a entrar para o exército francês e ajudar seu reino na guerra contra a Inglaterra.

Motivada pelas mensagens, cortou o cabelo bem curto, vestiu-se de homem e começou a fazer treinamentos militares. Foi aceita no exército francês, chegando a comandar tropas. Suas vitórias importantes e o reconhecimento que ganhou do rei Carlos VII despertaram a inveja em outros líderes militares da França. Estes começaram a conspirar e diminuíram o apoio de Joana D’arc. Em 1430, durante uma batalha em Paris, foi ferida e capturada pelos borgonheses que a venderam para os ingleses. Foi acusada de praticar feitiçaria, em função de suas visões, e condenada a morte na fogueira. Foi queimada viva na cidade de Rouen, no ano de 1431.

A mártir francesa foi canonizada em 1920, pelo Papa Bento XV, quase cinco séculos após sua morte. Dois anos depois, ela foi declarada padroeira da França. O Parlamento francês também estabeleceu uma festa nacional em sua honra no segundo domingo de maio.

Veja mais fatos históricos nesse dia:

70 – Cerco de Jerusalém: Tito e as suas legiões romanas derrubam a segunda parede de Jerusalém. Os defensores judeus retiram-se para a primeira parede. Os romanos constroem uma circunvalação, cortando todas as árvores num raio de quinze quilómetros.
1416 – Jerônimo de Praga é condenado à morte na fogueira por heresia, pelo Concílio de Constança, realizado na cidade de Constança, na Alemanha.
1431 – Em Ruão, na França, Joana d’Arc é queimada na fogueira aos 19 anos por bruxaria.
1569 – Henrique VIII de Inglaterra casa com Joana Seymour, 11 dias depois da execução de Ana Bolena.
1834 – Joaquim António de Aguiar, apelidado de «O Mata-Frades», promulga uma lei, em Portugal, pela qual declara extintos «todos os conventos, mosteiros, colégios, hospícios, e quaisquer outras casas das ordens religiosas regulares», ficando os seus bens incorporados na Fazenda Nacional.
1998 – Paquistão realiza um teste nuclear subterrâneo no deserto de Kharan.
2003 – Pelo menos 70 pessoas associadas à Liga Nacional para a Democracia são mortas pela máfia do governo na Birmânia. Aung San Suu Kyi, líder da oposição, fugiu do local, mas é presa logo depois.

Fonte:

Redação Terra

History Channel

Gostou do Post?

Curta e compartilhe a page >> Cabine do tempo no facebook! e o Twitter do cabine do tempo!

Um comentário sobre “Cabine Histórica: Viagem ao passado do dia 30 de Maio – Joana D´Arc!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *