Cabine Histórica: Viagem ao passado do dia 17 de Novembro – Nasce Scorsese!

Cabine Histórica: Viagem ao passado do dia 17 de Novembro – Nasce Scorsese!

Cabine histórica é a nossa viagem com a C.A.T.I.A aos fatos históricos da humanidade e por toda a linha temporal,hoje viajamos para:

O dia 17 de novembro onde um dos mais aclamados diretores de cinema da atualidade, Martin Scorsese nascia em um dia como hoje, em Queens, Nova Iorque, em 1942. Entre seus vários filmes e documentários, estão obras como Taxi Driver (1976), Touro Indomável (1980), Os Bons Companheiros (1990), Gangues de Nova Iorque (2002), O Aviador (2004), Os Infiltrados (2006) e A Invenção de Hugo Cabret (2011). Depois de receber várias indicações ao Oscar de Melhor Diretor em sua carreira e nunca ter sido agraciado com o prêmio, ele finalmente obteve a estatueta em 2007 por Os Infiltrados.

Muitos de seus filmes contam com Robert De Niro, que é seu grande amigo. Recentemente, Scorsese também tem trabalhado bastante com Leonardo Di Caprio, que se tornou um dos seus atores favoritos. Entre seus documentários, Scorsese foi um dos editores de Woodstock (1970) e também fez filmes sobre Bob Dylan, Rolling Stones e o ex-Beatle George Harrison.

Martin Marcantonio Luciano Scorsese é um diretor, roteirista e produtor de cinema norte-americano, ganhador de vários prêmios. Também é um dos fundadores da World Cinema Foundation, instituição dedicada à preservação de películas cinematográficas.

Os filmes de Scorsese abordam principalmente os temas da vida dos italianos que migraram para os EUA, os conceitos de culpa e redenção presentes no cristianismo e a violência endêmica da sociedade norte-americana. Ele é considerado como um dos cineastas mais influentes de sua geração.

Na juventude, Scorsese planejava ordenar-se sacerdote, mas, influenciado pelo cinema, acabou optando pela carreira de diretor. Estudou na Universidade de Nova York, obtendo sua licenciatura em cinema no ano de 1964 – e um mestrado em 1966. Seu primeiro longa-metragem foi “Quem Bate à Minha Porta?”, com Harvey Keitel.

Taxi Driver
Com “Caminhos perigosos”, de 1973, Scorsese criou seu estilo pessoal, sua própria linguagem. O filme não foi um êxito de bilheteria, mas chamou a atenção da crítica. Logo depois, a atriz Ellen Burstyn escolheu Scorsese para dirigi-la no filme “Alice Não Mora Mais Aqui”, com o qual ela ganhou um Oscar de melhor atriz.

Dois anos mais tarde, Scorsese assombrou o mundo com o clássico “Taxi Driver”. Sobre um roteiro de Paul Schrader, um dos roteiristas mais brilhantes dos EUA, Scorsese conheceu a fama. O filme ganharia a Palma de Ouro do Festival de Cannes.

Com o sucesso, Scorsese teve coragem para realizar um antigo sonho: filmar um musical, o que fez com “New York, New York”. O filme, contudo, foi um fracasso de bilheteria, o que lançou o diretor em profunda depressão.

Convencido de que estava realizando seu último filme, Scorsese investiu todas as suas energias em “Touro Indomável”, sobre a vida do pugilista Jake LaMotta. O filme não alcançou sucesso de público, mas o diretor passou a ser cultuado pela crítica, que o escolheu como um dos melhores cineastas dos EUA.

Cannes
Três anos depois, Scorsese realizaria um de seus filmes menos conhecidos, com Robert De Niro e Jerry Lewis: “O Rei da Comédia”. Foi um novo fracasso de bilheteria. Mas em 1985, com o delirante pesadelo “Depois de Horas”, o cineasta conquistou o prêmio de melhor diretor no Festival de Cannes.

Em uma fase de grande produtividade, Scorsese dirigiu “A cor do dinheiro”, “A última tentação de Cristo”, “Contos de Nova York” (ao lado de Francis Ford Coppola e Woody Allen) e “Os bons companheiros”, um dos filmes mais importantes sobre a máfia.

A seguir, Scorsese filmou um remake de “Cabo do Medo”. Foi o maior êxito de bilheteria do cineasta. Em 1993, adaptou um romance de Edith Warthon, uma das mais famosas romancistas norte-americanas, “The age of innocence” (“A idade da inocência”). No ano de 1995, voltou ao tema da máfia, filmando “Cassino”.

Oscar
Depois de filmes recebidos com indiferença, Scorsese partiu para um de seus projetos mais audaciosos: “Gangues de Nova York”. O filme, apesar da frieza de crítica, recebeu dez indicações ao Oscar. Em 2004, seu filme “O Aviador” ganhou três Globos de Ouro.

Em 2007, no entanto, com “Os Infiltrados”, Scorsese ganharia finalmente – depois de oito indicações – o Oscar de melhor diretor.

No ano de 2008, o cineasta realizou um documentário sobre o grupo de rock Rolling Stones: “The Rolling Stones Shine A Light”.

Em 2009, casado com sua quinta esposa, Helen Morris, Martin Scorsese vive em Nova York.

Toda a equipe do Cabine felicita o Mestre Martin  pelos seus 71 anos de Batalha! Parabéns grande mestre!

E o cabine garante em breve o podcast de Os bons companheiros!

Veja mais fatos históricos nesse dia:

 

1558 – Elizabete I torna-se rainha e é a última representante da dinastia Tudor a ocupar o trono da Inglaterra.

1717 – Nasce Jean d’Alembert, matemático, filósofo e escritor francês.

1755 – Nasce Luis XVIII, rei da França.

1869 – Inaugurado o canal de Suez, uma via fluvial artificial que liga a cidade de Porto Said ao mar Mediterrâneo pelo golfo de Suez.

1889 – Durante a madrugada, a família imperial deixa o Brasil a bordo do navio mercante Alagoas.

1903 – O Acre passa definitivamente a ser território nacional depois da assinatura do Tratado de Petrópolis entre Brasil e Bolívia.

1913 – O canal do Panamá, na América Central é aberto para ligar os oceanos Atlântico e Pacífico.

1917 – Morre Auguste Rodin, escultor francês.

1925 – Nasce Rock Hudson, ator norte-americano.

1942 – Nasce Martin Scorsese, diretor e produtor de cinema norte-americano.

1944 – Nasce Danny De Vito, ator norte-americano.

1945 – Partido Comunista Brasileiro lança como candidato à Presidência da República o engenheiro Ledo Fiúza.

1946 – Os jogadores Muñoz, Moreno, Pedernera, Labruna e Loustau jogam juntos pela última vez, encerrando a mais exitosa equipe que atuou pelo River, da Argentina.

1950 – A ONU concede a independência à Líbia.

1954 – O general Gamal Abdel Nasser se torna líder do Egito após o afastamento do presidente Mohamed Naguib.

1958 – O governo civil do Sudão sofre um golpe militar e Ibrahim Abboud se torna o novo primeiro ministro do país.

1958 – Nasce a atriz norte-americana Mary Elizabeth Mastrantonio que estrelou os sucessos cinematográficos A Cor do Dinheiro e Julgamento Final.

1959 – Morre o compositor brasileiro Heitor Villa-Lobos.

1966 – Nasce a atriz francesa Sophie Marceau, que estrelou o último filme de James Bond, 007 ¿ O Mundo não é o Bastante.

1970 – A estação soviética não tripulada Lunik XVII aterrissa na superfície liminar.

1972 – O ex-presidente argentino Juan Domingo Perón retorna a Buenos Aires após 17 anos fora do país.

1976 – Estréia na Rede Globo a novela Escrava Isaura, de Gilberto Braga.

1980 – John Lennon lança seu álbum Double Fantasy.

1989 – Dezenas de milhares de pessoas marcham em Praga exigindo o fim do regime comunista na Tchecoslováquia.

1990 – Com o colapso da economia soviética, o primeiro-ministro Michail Gorbachev pede ¿poderes especiais¿, que lhe são concedidos.

1993 – O Tratado do Nafta (Acordo de Livre Comércio da América do Norte) é ratificado, consolidando o comércio entre os Estados Unidos, o Canadá e o México.

1997 – Terroristas islâmicos matam 58 turistas estrangeiros que visitam o templo de Hatshepsut, no vale dos reis, no Egito.

Fonte:

Redação Terra

History Channel

Gostou do Post?

Curta e compartilhe a page >>  Cabine do tempo no facebook! e o Twitter do cabine do tempo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *