Cabine Histórica: Viagem ao passado do dia 09 de Janeiro – A primeira calculadora do mundo!

Cabine Histórica: Viagem ao passado do dia 09 de Janeiro – A primeira calculadora do mundo!

Cabine histórica é a nossa viagem com a C.A.T.I.A aos fatos históricos da humanidade e por toda a linha temporal,hoje viajamos para:

O dia 9 de Janeiro de 1954, onde a empresa IBM apresentou a primeira calculadora electrónica do mundo. O mecanismo era composto por transístores, uma tecnologia revolucionária para aquela época.

A calculadora é um dispositivo utilizado para efectuar cálculos aritméticos de forma mis rápida e simples. Não só é utilizada na Matemática, como também na Estatísticas, Campos Gráficos ou Trigonometria.

O primeiro modelo chamava-se IBM 608 e tinha um tamanho considerável. O preço rondava os 80.000 dólares. Nos três anos seguintes, foram lançados modelos mais comerciais e, graças ao desenvolvimento tecnológico do sector, os preços foram sendo cada vez mais acessíveis.

A primeira calculadora eletrônica portátil está comemorando 60 anos. Seu criador foi o engenheiro Jack St. Clair Kilby (1923-2005), ganhador do Nobel de Física de 2000 pela invenção do circuito integrado em 1958 – ao lado de Bob Noyce (1927-1990), um dos fundadores da Intel.

A invenção da moderna máquina de calcular mecânica data do final do século XIX. Logo surgiram diversos fabricantes nos dois lados do Atlântico, como a alemã Brunsviga e as americanas Burroughs e American Adding Machine. Em 1947, com a invenção do transistor pelos engenheiros William Shockley, John Bardeen e Walter Brattain, todos do Bell Labs, foi dado o passo fundamental para o lançamento em 1962 da Anita MkVIII, a primeira calculadora eletrônica de mesa.

Quatro anos antes, Kilby e Noyce estavam na Texas Instruments e na Fairchild Semiconductor, respectivamente. Trabalhando em paralelo, eles desenvolveram em 1958 o circuito integrado, ao agregar num único cristal semicondutor – uma lâmina de germânio no caso de Kilby e outra de silício, escolhida por Noyce – todos os transistores, resistores, capacitores e circuitos necessários para o funcionamento de um eletrônico.

“O que nós não imaginávamos na época era como o circuito integrado iria reduzir o custo das funções eletrônicas no fator de um milhão para um, nada jamais havia conseguido isto antes”, recordou Kilby numa entrevista de 1997 à CNN.

Em 1967, Kilby usou seu circuito integrado para criar a primeira calculadora portátil. Ela podia somar, subtrair, multiplicar e dividir. Havia algumas casas decimais e era possível digitar números com até 12 algarismos. Usava uma bateria de prata-zinco e imprimia o resultado num rolinho de papel. “O projeto da calculadora pretendia mostrar o que podíamos fazer com circuitos integrados e aumentar o mercado para eles, assim seguimos em frente e construímos a primeira calculadora”, lembrou certa vez Kilby.

O modelo foi patenteado em setembro de 1967, porém só entrou em produção em abril de 1970, quando a Texas Instruments lançou o produto no Japão em associação com a Canon. A Pocketronic, como foi chamada, custava US$ 400.

Em 1972, foi a vez da HP entrar nesse mercado. Sua primeira calculadora portátil foi a HP-35 e custava US$ 395. Seu nome foi dado por Bill Hewlett, porque a calculadora tinha 35 teclas. “Nosso objetivo ao desenvolver a HP-35 era fornecer uma régua de cálculos eletrônica portátil de alta precisão. Achamos que você gostaria de ter algo que somente os heróis da ficção como James Bond ou Dick Tracy possuem”, apregoava Bill Hewlett no manual do produto.

Baseados em pesquisas de mercado, os executivos da HP estimavam um mercado de 50 mil calculadoras. A estimativa se mostrou extremamente conservadora. Só a General Electric encomendou 20 mil. O resultado foi o surgimento de uma lista de espera de várias semanas para adquirir o produto, e de uma galeria de calculadoras cada vez mais sofisticadas que estão à venda até hoje (visite o Museu das Calculadoras HP).

Ainda em agosto de 1972, a Casio ingressou neste mercado com o modelo Casio Mini. A produção inicial, de 100 mil calculadoras/mês, teve que dobrar para atender a demanda. Em 1974, a empresa já havia vendido 10 milhões de unidades. Em 1980, eram 100 milhões. Foi o começo de um negócio que resultou nas pouco saudosas agendas eletrônicas dos anos 80 e 90, aqueles trecos que todo o mundo comprou, mas que quase ninguém conseguiu usar direito. Mas a Casio não tem do que se queixar. Apesar do advento do PC e da Internet, em 31 de dezembro de 2006 a empresa comemorou a venda da sua bilionésima calculadora.

Veja mais fatos históricos nesse dia:

1815 – Firmada a primeira ata do Congresso de Viena.

1829 – Morre Baltasar Hidalgo de Cisneros, último vice-rei e representante do governo Espanhol no Rio do Prata.

1869 – O presidente equatoriano, Gabriel García Moreno, proclama a nova Constituição chamada de “Carta Negra” pela oposição.

1870 – Morre Charles Dickens, romancista inglês.

1873 – Morre Napoleão III, ex-Imperador francês.

1894 – Estoura no Paraguai um movimento revolucionário encabeçado pelo general Juan B. Egusquiza, que depõe o presidente Marcos Moriñigo.

1898 – Inauguração da Ferrovia Nordeste Argentino, de Corrientes a Monte Caseros, localidades situadas na orla dos rios Paraná e Uruguai, respectivamente.

1921 – A Oficina Internacional do Trabalho adota a língua espanhola como o terceiro idioma oficial.

1921 – Nace Guido Munch, astrofísico mexicano.

1934 – Proclamada a nova Constituição da República Dominicana, a vigésima terceira da história do país.

1946 – Bumibol Adulyade, de 19 anos, substitui o trono da Tailândia para o irmão, Amanda Mahidol, morto em estranhas circunstâncias.

1960 – O Governo de Moscou declara oficialmente que defenderá Cuba caso o país seja atacado pelos Estado Unidos.

1962 – Nasce Michael J.Fox, ator de origem canadense.

1963 – Nasce Johnny Depp, ator norte-americano.

1968 – O presidente iugoslavo, Josip Broz Tito, aprova várias reformas políticas e sociais após uma semana de distúrbios e manifestações.

1974 – Morre Miguel Angel Astúrias, escritor da Guatemala que ganhou o Prêmio Nobel em 1967.

1976 – O governo boliviano estabelece estado de sítio para prevenir protestos e manifestações de estudantes por causa do assassinato do ex-presidente e general Juan José Torres na Argentina.

1983 – Margaret Thatcher, primeira ministra britânica, é eleita nas eleições que confirmam a grande popularidade dos conservadores na Grã Bretanha.

1991 – O rei da Jordânia assina um documento constitucional que abre caminho ao pluripartidarismo e que foi aprovado em Conferência Nacional.

1991 – Morre Claudio Arrau, pianista chileno.

1993 – O príncipe herdeiro do Japão, Naruhito, se casa com Masako Owada no Palácio Imperial de Tókio.

1999 – Legisladores de 41 cidades da América, da África e da Ásia constituem no México o Parlamento dos Legisladores Metropolitanos para buscar soluções para os problemas das suas cidades.

1999 – O neurobiólogo mexicano Ricardo Miledi é premiado com o Prêmio da Investigação Científica e Técnica.

1999 – Celebrada a coroação dos novos reis da Jordânia, Abdalá II, e sua esposa, Rania.

Fonte:

Redação Terra

History Channel

Gostou do Post?

Curta e compartilhe a page >>  Cabine do tempo no facebook! e o Twitter do cabine do tempo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *