Cabine Histórica: Viagem ao passado do dia 05 de Abril – Morre Douglas MacArthur, General norte-americano

Cabine Histórica: Viagem ao passado do dia 05 de Abril – Morre Douglas MacArthur, General norte-americano

Cabine histórica é a nossa viagem com a C.A.T.I.A aos fatos históricos da humanidade e por toda a linha temporal,hoje viajamos para:

O dia 05 de Abril de 1964, quando faleceu um dos generais norte-americanos mais influentes de todos os tempos, Douglas MacArthur.

Douglas MacArthur foi um dos principais e mais famosos generais dos Estados Unidos. Sua “marca registrada” era o seu inusitado cachimbo, sempre a mão para ele tirar umas fotos para a imprensa. Ele foi comandante militar do Exército Filipo e do Exército dos Estados Unidos durante a Campanha do Pacífico, na Segunda Guerra Mundial (1941 – 1945). na época as Filipinas estavam sob controle direto dos EUA, e MacArthur era o governador militar da região quando as forças armadas japonesas invadiram, em 1941.

As tropas norte-americanas e filipinas realizaram uma grande defesa das ilhas filipinas, principalmente na península de Bantaan. Porém, o ataque maciço japonês em conjunto à falta de suporte naval, aéreo e de blindados fez com que MacArthur abandonasse as Filipinas, para reorganizar suas estratégias contra os japonese.

Seu primeiro contato com a guerra foi durante a Primeira Guerra Mundial, onde lutou na França, sendo considerado um dos maiores heróis do Corpo Expedicionário do Exército Norte Americano, sob o comando do General Pershing, tendo recebido várias das mais altas condecorações Norte Americanas e Francesas.

O seu nome ficará para sempre associado à reconquista das Filipinas por parte das tropas norte americanas, cumprindo a sua famosa promessa de regresso “I Shall Return” efetuada dois anos antes.

A sua atuação ao longo destes anos, concedeu-lhe um lugar ímpar na história da Segunda Guerra Mundial, sendo considerado um dos maiores comandantes militares do século XX e um dos maiores militares norte americanos de todos os tempos, tendo sido juntamente com o Chefe do Estado Maior das Forças Armadas, o General George Marshall, com o General Omar Bradley, e com o General Dwight “IKE” Eisenhower os únicos generais de 5 estrelas do Exército dos Estados Unidos.

Em 1945, quando nomeado Chefe Supremo das Potências Aliadas, aceitou a rendição dos japoneses após a explosão das bombas atômicas sobre Hiroshima e Nagasaki. Esta rendição teve um grande valor simbólico para os americanos, pois foi efetuada na baía de Tóquio a bordo do navio USS Missouri.

Foi nomeado Comandante Aliado no Japão após a guerra, ocupando o cargo até 1950. Quando a Coreia do Norte invadiu a Coreia do Sul em 1950, os Estados Unidos entraram na guerra comandando a força militar das Nações Unidas. MacArthur prontamente foi nomeado comandante do Exército das Nações Unidas, pois era o principal comandante militar norte-americano na região.

Durante a guerra da Coreia, MacArthur organizou tanto as defesas sul-coreanas e aliadas quanto o contra-ataque, levando as tropas sul-coreanas, norte-americanas e das Nações Unidas até a fronteira com a China. Quando a China se aliou a Coreia do Norte, enviando milhões de soldados pela fronteira, MacArthur citou sua ideia quase sádica ao governo dos EUA da necessidade de ser utilizado um ataque nuclear contra a China. A ideia de MacArthur foi prontamente desconsiderada pelo Governo Norte-Americano.

Por causa de sua ideia de iniciar uma “Terceira Guerra Mundial” entre o bloco comunista e o bloco capitalista e por ter um temperamo forte, difícil de lidar, MacArthur foi “dispensado” do cargo de Comandante Geral das Forças das Nações Unidas na Coreia, voltando aos Estados Unidos em 1951.

 

De volta aos Estados Unidos, tentou entrar na política, quase se tornando candidato à presidência pelo partido republicano, mas por conta de alguns reveses, sua candidatura não vingou. MacArthur faleceu em 5 de abril de 1964, aos 84 anos, vitima de uma cirrose biliar primária, em sua casa, em Washington D.C.

Veja mais fatos históricos nesse dia:

1588 – Nasce Thomas Hobbes, renomado filósofo do século XVII

1794 – Georges Jacques Danton, líder Revolução Francesa, é guilhotinado como traidor.

1795 – Paz da Basileia é assinada entre Prússia e a França revolucionária

1955 – África do Sul deixa a UNESCO, alegando interferência em suas questões raciais.

1957 – EUA e o Reino Unido anunciam que a URSS realizou mais uma explosão nuclear experimental.

1963 – URSS e EUA preparam linha especial de comunicação para evitar o risco de uma guerra acidental.

1964 – Morre em Washington, aos 84 anos, o general Douglas MacArthur.

1970 – Guerrilheiros guatemaltecos matam Karl von Spreti, embaixador da Alemanha Ocidental.

1976 – Brasil não autoriza representação da Organização para a Libertação da Palestina (OLP), destinada a atuar em todo o continente.

1979 – Exército da Tanzânia e exilados ugandenses tomaram Entebbe, antiga capital administrativa de Uganda.

1991 – Um terremoto de 6,2 graus na escala Richter atingiu a região da Amazônia peruana.

1992 – O presidente Alberto Fujimori lidera golpe no Peru.

1999 – Governo da Líbia entrega dois agentes de seu serviço secreto, acusados de explodirem um avião da PanAm, em 1988.

2001 – Suíça libera uso de maconha e do haxixe.

2004 – Canadá ordena matança de aves para evitar que a variante H7 da gripe do frango se espalhe pelo país.

Fonte:

Barsa Saber

Opera Mundi

Redação Terra

History Channel

Gostou do Post?

Curta e compartilhe a page >>  Cabine do tempo no facebook! e o Twitter do cabine do tempo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *