Cabine Nostálgica: Super Mario Kart

Cabine Nostálgica: Super Mario Kart

Em 1993, a Nintendo ia muito bem. O Super Mario World estava bombando e era sem dúvida o jogo de maior sucesso da empresa. Foi então que surgiu uma ideia genial e inovadora, que eu arrisco dizer que mudaria a historia de um estilo de jogos. Eles decidiram fazer um jogo de corrida, pegando os personagens do seu maior sucesso e colocando eles em cima de um pequeno kart. Foi então que surgiu um dos jogos mais fantásticos da era dos 16 bits:

1062010375-00

Super Mario Kart para Super Nintendo

Uma ideia simples e genial! Pegar os personagens do maior sucesso do vídeo game e colocar eles para disputar corridas divertidas e injustas. O jogo estava longe de ser um simulador de corrida. A ideia era de um jogo no estilo arcade, com direito a tudo quanto é trapaça que você possa imaginar.

Na verdade, a ideia foi muito mais além. Eles simplesmente transformaram TODO o mundo do Super Mario em um game de corrida, e fizeram isso com maestria!

Logo de cara você já via os personagens em cima de um kart, em um cenário colorido e uma música divertida. O jogo tinha 4 modos: Mario Kart GP que era o modo single player de torneio; Match Race para dois jogadores um contra o outro; Time Trial para jogar sozinho nas pistas contra o tempo e o Battle Mode que era um multiplayer super divertido.

51b09812859e0

Tela inicial

O modo single player (Mario Kart GP) era bem simples, tinha 50cc, 100cc e 150cc, que eram a dificuldade do jogo: easy, medium e hard (os modos iam abrindo conforme você passasse, por exemplo, o normal só estaria disponível quando você terminasse o modo easy).

Depois de selecionar seu modo você cairia na seleção de personagens que eram 8 no total, cada um com um atributo:

Mario – Personagem principal da série. Ele é mediano em todos os quesitos (aceleração, velocidade, peso e controle). Sua arma principal era o uso da estrela que aumentava a velocidade e fazia qualquer oponente que o encostasse rodar.

Luigi –  É o irmão do Mario. Seus atributos são idênticos aos do Mario.

Princesa Peach – É a princesa que o Mario salva em todos os games. Tem peso e direção mediana, ótima aceleração e baixa velocidade. Sua arma principal era soltar cogumelos que fazia os seus inimigos encolherem.

Yoshi –  É o dinossauro que ajuda o Mário no Super Mario World. Tem as mesmas características da Princesa Peacho porém solta ovos que faz os outros karts rodarem.

Bowser –  É o principal vilão da série. Tem velocidade excelente e maior peso porém um controle e aceleração péssimos. Ele lança bolas de fogo que faz os outros karts rodarem.

Donkey Kong Jr. – Filho do Donkey Kong (o primeiro inimigo do Mário, lembram?). Seus atributos são iguais aos do Bowser porém ele ataca cascas de bananas para os outros rodarem.

Toad – É o servo da Princesa Peach. Tem ótimo controle de direção, aceleração e velocidade mediana e baixo peso. Sua arma é a mesma da Princesa Peach.

Koopa Troopa – É o servo do Bowser e o soldado inimigo do Mário em diversos games. Seus atributos são idênticos aos do Toad porém ele ataca cascos nos inimigos.

smk4

Tela de seleção de personagens.

E as fases então? Eram muitas! Ao total eram 20 pistas, divididas em 4 copas: Copa Cogumelo (fácil), Copa Flor (normal), Copa Estrela (difícil) e Copa Especial (muito difícil e secreta).

As pistas tem diferentes “estilos”, todas ligadas a um cenário dos games do Super Mario. As fases são:

Mario Circuit 1, 2, 3 e 4 – Podem ser consideradas as pistas “principais” do Mário e do Luigi. É um circuito como um autódromo com terra e grama. Há canos, óleo, atalhos e “turbos” no chão.

Donut Plains 1, 2, e 3 – É uma pista de terra e há um lago ao redor. Há pontes quebradas que podem fazer você cair nesse lago. A pista também tem umas topeiras (Monty Moles) que pulam na sua cara e fazem o kart ficar mais difícil ainda de dirigir.

Ghost Valley 1, 2 e 3 – Lembra das casas mal assombradas em Super Mario World? Então, essa pista se passa dentro de uma delas! Nessa pista também há turbos nos chãos e uma peculiaridade: se você bater nas barreiras ao redor da pista elas somem, fazendo você cair em um buraco se bater pela segunda vez.

Bowser Castle 1, 2 e 3 – É a pista do Bowser, dentro de seu castelo. Uma pista de concreto, rodeada de lava (que só estavam la para cairmos nela). Tinha aquelas placas de concreto (Thwomps) que te amassavam e faziam você perder varias posições.

Choco Island 1 e 2 – É uma pista de barro e lama (na verdade, no manual falava que era de chocolate). Se você caísse nessa “lama/chocolate” ficava muito mais lento e perdia muitas posições. Os obstáculos aqui eram as plantas carnívoras (Piranha Plants) que ficavam ao redor da pista para fazer você rodar.

Koopa Beach 1 e 2 – Quando eu era mais novo eu ligava essa pista ao Koopa Troopa (já que o nome é Koopa Beach). Era uma praia com água que, assim como a “lama”, deixava seu kart mais lento. Também tinha a parte mais funda da água que fazia você afundar e perder posições (ah se não fosse o Lakitu pra nos salvar hein).

Vanilla Lake 1 e 2 – É uma pista de gelo bem difícil de dirigir. Ela tinha como obstáculos cubos de gelos e buracos com água. Também tinha neve que deixava o kart mais lento.

Rainbow Road – Era a ultima pista do jogo. Uma pista de Arco Iris no espaço que não tinha proteção alguma. Saiu da pista caiu! Era difícil pra caramba e pra piorar tinha, assim como no castelo do Browser, Thwomps caindo na sua cabeça!

*Lakitu era uma tartaruga em uma nuvem que vinha nos resgatar dos buracos e dava a largada nas corridas.

images

Seleção dos campeonatos

mc2

Pista “Mario Circuit 2”

A tela era bem fácil e simples. Dividida ao meio, em cima você controla seu personagem, visto de traz. Em baixo, você tinha o mapa com a localização de todos os oponentes ou a sua visão traseira (para ver quem estava te tacando coisas).

Em cima você tinha o seu personagem, o item que estava disponível, a sua colocação e o tempo de cada volta.O mapa em baixo era muito bom, tinha todas as informações que você queria! Seus oponentes, as curvas que você tinha que fazer e onde achar os itens que você deveria pegar. Também as vezes mostrava os atalhos que você podia tomar! No final de cada corrida, na tela de cima mostrava as posições que cada corredor terminou.

1279038878-snes__circuit-42d615e160

Tela no modo single player

Sabem os blocos do Super Mario que você quebrava com a cabeça e achava um item? Então aqui também tinha! Só que no chão! Isso mesmo, havia uns blocos com o símbolo de “?” no chão que te dariam diversos itens: Moeda que deixava o kart mais rápido e era uma segurança, se você batesse em outro kart perdia uma moeda, se estivesse sem moedas você rodava; Banana que fazia os inimigos rodar (ficava parado na pista); Casco Verde que você atirava nos outros; Casco Vermelho que perseguia o oponente; Cogumelo que era um turbo; Pena que te fazia pular e era muito útil para atalhos; Estrela que te dava um turbo e fazia qualquer um que te encostasse rodar e Raio que fazia todos os oponentes encolherem. O uso desses itens era essencial para garantir uma boa posição na corrida.

Cada posição tinha uma pontuação e ganhava quem conseguisse juntar mais pontos no final de cada torneio, formado por 5 corridas. Ao final de cada torneio, se você vencesse, você assistia um finalzinho diferente com cada personagem (um finalzinho bem simples, só estourando uma champanhe e cada um fazia alguma coisa com a garrafa). Se você vencesse a Copa Cogumelo, a Copa Flor e a Copa Estrela, abria então a Copa Especial.

mariokart_snes

Campeão!

O Battle Mode era algo muito divertido. Era um jogo de 2 jogadores, em um autódromo em estilo arena onde os dois jogadores se enfrentavam. As arenas eram 4, cada uma referente as seguintes fases: Mario Circuit, Vanilla Lake, Donut Plains e Koopa Beach. A tela era dividida em 2 e não tinha mapa. A metade de cima era o Player 1 e a metade de baixo era o Player 2. Cada jogador tinha 3 vidas e o objetivo era acertar o seu adversário até ele perder todas as vidas e você sair campeão. As vidas eram dadas por balões que ficava rodeando seu Kart. Cada vez você era acertado, um balão estourava. Nesse modo de jogo tinha um item novo, um “fantasminha” (Boo) que permitia você roubar o item do seu adversário. Pense que isso foi o “primórdios” de jogos como Destruction Derby, Twisted Metal ou Vigilante 8. A ideia de carros lutando em arena vem tudo daqui!

Battlemode

Battle mode

Bom, o Super Mario Kart mudou a nossa ideia sobre jogos de corrida. A Nintendo inovou em vez de fazer um simulador, fez um jogo de corrida divertido e diferente de tudo que tínhamos visto até 1993. Pra vocês terem uma ideia, 21 anos depois, o jogo já tem 11 continuações e continua sendo copiado por inúmeras empresas! O divertido é que a Nintendo sempre põe um mapa do Mario Kart do Snes nos jogos novos.

Mario Kart esta disponível para todos os vídeo games da Nintendo pós Snes: Nintendo 64, Game Cube, Nintendo Wii e Nintendo Wii U.

Se você nunca jogou, corra atrás e jogue um dos jogos mais importantes da história do vídeo game. Hoje você pode joga-lo online contra qualquer um (em site de emuladores e roms onlines). Se você já jogou, procure jogar novamente e veja que o que é bom, nunca fica velho!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *